Descubra mais acerca do teste de avaliação linguística do OLS com a nossa apresentação!

O que é que acontece com os resultados do teste de avaliação?

Apenas os particiantes e as instituições/organizações responsáveis pela sua escolha recebem os resultados dos testes de avaliação. Quanto aos voluntários do SVE, os resultados não serão comunicados às restantes organizações envolvidas no projeto. No caso dos estudantes do ensino superior, os resultados não serão comunicados à instituição/organização de acolhimento.

 

Consulte aqui o guia do utilizador do teste de avaliação linguística, para mais informações.

Também pode espreitar a apresentação do nosso teste de avaliação linguística do OLS do Erasmus+ aqui!

 

section_result
section_what

Quais são os passos do teste de avaliação?

Os participantes devem fazer o primeiro teste de avaliação antes da mobilidade para avaliarem as suas competências linguísticas. Quanto aos estudantes do ensino superior, a realização do teste de avaliação linguística do OLS antes da sua partida é um pré-requisito para a mobilidade, exceto se devidamente justificado. Os resultados do teste de avaliação não impedem os participantes de participarem no programa de mobilidade mas podem ser usados pela instituição/organização de coordenação de envio para identificarem os participantes que mais necessitam de apoio linguístico.

Com base nas suas competências linguísticas, os participantes poderão ter a oportunidade de aceder à plataforma de aprendizagem OLS para fazerem um curso de línguas online antes e durante o seu período de mobilidade. Tal deve ser acordado entre o participante e a instituição/organização responsável pela sua escolha.

No final do período de mobilidade, os participantes terão de fazer um segundo teste de avaliação para avaliarem os seus progressos

Como é que o teste de avaliação linguística funciona e a quem se dirige?

O teste de avaliação linguística do OLS é obrigatório para todos os participantes em atividades de mobilidade Erasmus+ de, no mínimo, dois meses (estudos/estágios/voluntariado SVE), com uma das seguintes línguas como principal língua de instrução, trabalho ou voluntariado (exceto os nativos).

Desde 2015 que o serviço também se encontra disponível para alunos de Educação e Formação Profissional (EFP) que participem numa mobilidade de, no mínimo, um mês.

Os participantes na mobilidade Erasmus+ terão de fazer o teste de avaliação duas vezes — antes e no final do seu período de mobilidade — com vista a monitorizar os seus progressos na língua de mobilidade.

O teste de avaliação online avalia as competências linguísticas dos participantes - audição, leitura e escrita - de acordo com o Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas (QECR).

section_how